Um pouco sobre Dave Mustaine, Metallica e Megadeth

Dave Mustaine

Dave Mustaine

Dave Mustaine foi integrante da formação original da banda de Heavy Metal (trash) Metallica, no início dos anos 80.

Mustaine sempre teve uma vida ligada a bebidas e drogas, foi tão dedicado a isso que foi expulso da propria banda que fundou, o Metallica, porque o pessoal não aguentava mais o músico quando não estava sóbrio, e ele simplesmente não ficava sóbrio.

Mustaine, então, ficou com muito ódio do grupo que o expulsou e teve o firme propósito de formar uma banda que seria tão boa a ponto de massacrar o Metallica. Foi então que surgiu o Megadeth.

O grupo foi formado em 1983, dissolvido em 2002, e voltou a formar-se em 2004. O grupo é um dos pioneiros no estilo e está no entre as melhores bandas de Thrash Metal de todos os tempos, junto com o próprio MetallicaTestament, Destruction, Slayer, Kreator, Sodom, Pantera, Sepultura e outras. Porém em 2002, depois de um acidente, a banda declara: “Megadeth não tocará com bandas satânicas“. Mustaine ainda confirmou: “Me tornei cristão, sim, e acho melhor não dividir o palco com grupos que sejam satânicos“.

Mustaine se tornou um cristão tão fervoroso que tem feito com que sua fé em Cristo tenha um impacto difícil de ser ignorado sobre sua carreira e sobre a imagem da própria banda, o Megadeth. São passagens bíblicas que aparecem nas letras, constantes declarações sobre fé e convicção cristã em entrevistas sobre sua conversão,  e mesmo considerações sobre a possibilidade de seguir a carreira de Pastor de igreja evangélica, além da recusa em dividir o palco de festivais com bandas que tenham qualquer elemento anti-cristão em suas temáticas. Isso causa, da mesma forma que as opiniões políticas de Mustaine, um desconforto nos fãs antigos que por acaso não vêem com bons olhos o cristianismo. Já imaginaram quantas conversões eles podem oferecer? uma vez tendo um publico fiel(e gigantesco) q não deixaram de ouvir a banda por causa dos tais acontecimentos!

Hoje a vida de Dave mudou, convertido evangélico mudou as letras de suas músicas e muitas de suas atitudes, por isso participou do documentário “Primetime Nighline: Beyond Belief, Batle With The Devil”, uma série de reportagens sobre exorcismo e demônios que está sendo exibida na rede ABC. Na entrevista ele diz acreditar na existência do inimigo(diabo): “A maior mentira que ele já contou foi que não existe. E você vê as pessoas achando que ele é vermelho, com cara de bode e rabudo, mas não. Ele é belo, como um anjo. Por que iria querer parecer um monstro? Ele pode ser igual a você. Poderia estar aqui, nesse momento. E nem saberíamos. É assustador”, afirma.

Heavy Metal é do Diabo?

Dave foi ponderado quando perguntado se o heavy metal é coisa do diabo, segundo ele “em alguns casos é. Mas não em todos. Há bandas que acreditam em Deus e o glorificam. Oram todas as noites antes de entrar no palco”, mas vê relação entre a magia negra e a bebida: “Nem sempre que bebi estava envolvido com isso. Mas sempre que estive envolvido, estava bebendo. Então, definitivamente, há uma relação”, acredita.

O vocalista também falou sobre sua vida antes de se converter, segundo ele a “mãe era Testemunha de Jeová e me criou nessa fé. Acabei me envolvendo com bruxaria por odiar ficar batendo nas portas das casas dos outros”, disse. Ele revela também que ainda quando criança fez magia negra contra duas pessoas, uma era um garoto que praticava bullying contra ele e “sofreu um acidente de carro e algo aconteceu com parte de seu corpo”, a outra pessoa era uma garota cobiçada pelos seus colegas, “todos a desejavam, mas era fora da minha realidade. Fiz [a magia] e, no outro dia ela, estava em meu apartamento”, e com veemência completa: “Por isso acredito no lado negro. Muitos pensam que não é real, mas funciona”, afirma.

Em seu testemunho Dave Mustaine afirma ter feito “pactos de sangue. Isso foi antes de descobrirmos sobre a AIDS. Cortávamos dedos e juntávamos, nos tornando irmãos de sangue”, mas ressalta: “Não quero mais estabelecer uma comunhão espiritual e misturar minha vida com alguém que não conheço direito. A Bíblia diz que sangue é vida” e finaliza, “acho que sou mais perigoso agora que me tornei um cristão, pois estou armado com a verdade”, diz Dave Mustaine.

Mustaine também, Recentemente, coordenou a distribuição de milhares de brinquedos a filhos de militares que estão servindo no Iraque.

Para não ficar apenas em palavras, segue um vídeo legendado de uma música da banda Megadeth que tem uma letra muito bonita e interessa, que vale a pena ouvir.

MegadethI’ll Be There

Fonte: O nerd Cristão

Anúncios