Tags

,

Deputado disse ser perseguido pela imprensa e afirmou não ser preconceituoso ou homofóbico

Deputado disse ser perseguido pela imprensa e afirmou não ser preconceituoso ou homofóbico

Presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias na Câmara Federal, o pastor e deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) opinou sobre a declaração da cantora Daniela Mercury, que assumiu publicamente que está casada com a jornalista Malu Verçosa.

“Homossexualismo é um fenômeno comportamental. Não sou fã de Daniela, eu sinto muito pelo que ela deve estar sofrendo, ela jamais teria sido capa de revista Veja se não fosse este momento, existe oportunismo”, disse Feliciano no “Programa Amaury Jr.” que foi ao ar na quarta-feira 17/04/2013.

Feliciano disse ser perseguido pela imprensa e afirmou não ser preconceituoso ou homofóbico. “Homofobia é uma doença, são pessoas violentas ou assassinas, eu tenho é posicionamento, não sou homofóbico. Sou contra  o casamento  gay por princípio. Na Constituição Brasileira a união estável é reconhecida entre homem e mulher. Segundo a Bíblia isso também não é casamento. O Papa Francisco pensa como eu”, argumentou.

Fonte: http://televisao.uol.com.br/

Anúncios