Tags

, ,

Filho do fogo

Filho do fogo

A obra Filho do Fogo é dividido em dois livros, no qual o  autor é conhecido pelo seu pseudonimo chamado Eduardo Daniel Mastral. A literatura é uma das  mais importantes para a teologia da Batalha Espiritual no Brasil. Daniel Mastral, mesmo não se identificando com o seu nome verdadeiro, faz diversas palestras e seminários nas igrejas evangélicas sobre suas experiências em uma seita macabra, no qual afirma ter feito parte.

Filho do Fogo é a história de um homem que foi chamado pelo Diabo, para servi-lo, assim fazendo parte de uma seita satânica internacional, no qual relata diversas experiências que incluem sacríficios humanos, rituais de mágia negra, diálogos com os demônios, planos maléficos para destruir a igreja e para dominar o mundo.

A maior crítica ao livro não é a sua história em sí, mas sim como a igreja evangélica lida com suas informações, sabemos que o Diabo é o pai da mentira, então os diálogos com os demônios no qual estes falam sobre o mundo espiritual não devem ser levados a sério, pois pode ser tudo mentira, bem como a escatologia no qual os demônios afirmavam. Não devemos dar crédito ao diabo e nem precisamos dele para nossa teologia, que deve ser baseada apenas nas escrituras e não nas doutrinas dos demônios.

Eduardo Daniel MastralO livro é interessante, uma literatura pesada, todavia todas as informações que os espiritos caídos passaram para o autor podem ser uma ficção, assim como estes mesmos espíritos fazem com livros psicografados.  A teologia da batalha espiritual muitas vezes entra em descrédito por dar crédito a conversa com o Diabo e a sua literatura.

Título: Filho do Fogo
Autor: Eduardo Daniel Mastral
Editora: BV Books

Fonte: Literatura Protestante

Anúncios